ULTIMAS NOTÍCIAS
Rádio Comunitária Zumbi dos Palmares inicia produção de programa alternativo de TV
quinta-feira, 20 de fevereiro de 2014 Posted by Silvano Silva ✔


“Fia” do Boi de Nair, Fábio Mozart e Dalmo Oliveira na casa do Boi de Ouro que ficou em terceiro lugar no 1º Cortejo de Bois de Itabaiana, realizado em 13 de dezembro de 2013.
O núcleo de comunicação comunitária da Sociedade Cultura Posse Nova República (Rádio Comunitária Zumbi dos Palmares) deu início, na semana passada, às primeiras gravações para a produção de um programa-piloto de televisão a ser veiculado em algumas emissoras públicas da Paraíba. “Alô Comunidade na TV” deverá ser o nome do televisivo que deve seguir o modelo bem-sucedido do radiofônico homônimo que o grupo veicula aos sábados numa parceria inédita com a Rádio Tabajara do Governo da Paraíba.
Na quarta-feira, 12, a equipe realizou várias reportagens na cidade de Pilar, no Agreste paraibano. Uma delas vai mostrar o trabalho do artista plástico Del Pilar, que criou uma ONG para incentivar jovens da cidade a desenvolverem habilidades de pintura e outras artes plásticas. A reportagem mostrou o ateliê do artista que funciona em sua própria casa.
Outra matéria produzida na visita a Pilar conta a história do Boi Bumbá de Dona Nair, que mantém uma tradição cultural popular antiga na região. O programa entrevistou Fia, a neta da fundadora da brincadeira, que mantém viva a manifestação cultural. A equipe do Alô Comunidade na TV mostrou ainda a importância do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Pilar, uma entidade que é presidida por uma agricultora chamada Quinha, que agrega cerca de seis mil trabalhadores.
“Viemos a Pilar a convite do Evânio Teixeira, que hoje é nosso correspondente na cidade. Queremos mostrar coisas bacanas que estão acontecendo nas comunidades e que a mídia grande não se interessa em cobrir. Vamos trazer para a TV a proposta que estamos realizando com sucesso, há três anos, no rádio”, diz Fábio Mozart, diretor de produção da iniciativa.
A equipe que foi a Pilar, além de Mozart, contou com o repórter Dalmo Oliveira, o cinegrafista Jacinto Moreno, o videasta e radialista Marcos Veloso e Roberto Palhano, como produtor-adjunto. “Nas próximas semana deveremos gravar a apresentação do programa e produzir mais algum material. Nossa meta é fechar um programa-piloto com 30 ou 40 minutos. Estamos buscando parcerias com as TVs públicas da Assembleia Legislativa, da Câmara Municipal de João Pessoa, com a TV Cidade e com a TV Universitária da UFPB, pois sabemos que a função das emissoras públicas é partilhar suas grades com produções independentes oriundas de iniciativas como a nossa, da sociedade civil organizada. Nosso programa não tem fins comerciais nem lucrativos”, acrescenta Marcos Veloso.


 www.diretodosanhaua.com.br


Silvano Silva ✔

Obrigado pela visita!

Nenhum comentário:

Comente esta notícia!