ULTIMAS NOTÍCIAS
Distribuidoras reduzem energia em cinco estados e no DF
segunda-feira, 19 de janeiro de 2015 Posted by Silvano Silva ✔


Distribuidoras de energia em vários estados das regiões Sudeste, Sul e Centro-Oeste, entre elas a Eletropaulo e a Light, que distribuem energia nos estados de São Paulo e do Rio de Janeiro, informaram nesta segunda-feira (19) reduções no fornecimento de luz. Segundo as empresas, o corte foi orientado pelo Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS), órgão federal responsável pela gestão de energia no país.
São Paulo
Segundo a Eletropaulo, a energia distribuída para São Paulo foi reduzida em 700 megawatts. Até as 15h40, não havia outras informações sobre o impacto e o motivo da medida. Segundo a empresa, a totalidade da carga de energia distribuída foi restabelecida às 15h50, também por orientação do ONS.
Ao mesmo tempo que a medida foi anunciada, no entanto, as estações República e Luz da Linha 4-Amarela foram fechadas porque, segundo a ViaQuatro, empresa que administra a linha, houve um problema de alimentação de energia elétrica na região da Estação da Luz. Não há confirmação se houve ligação entre os problemas. Há relato de falta de energia na região da Avenida República do Líbano, em Moema, desde as 14h30. A região afetada fica perto do cruzamento com a Avenida Ibirapuera.
Procurada pelo G1, a Eletropaulo disse que os detalhes seriam repassados pela ONS. Na nota divulgada às 15h20, a companhia disse que "o Centro de Operações da Distribuidora está acompanhando a situação e segue monitorando o sistema integrado por meio do ONS". A assessoria da ONS afirmou que iria procurar a área técnica em busca de outras informações sobre o ocorrido.
A Eletropaulo atende 20,1 milhões de pessoas na capital e em 24 municípios da Grande São Paulo.

No interior, a Companhia Paulista de Força e Luz (CPFL) afirmou, em nota, que um corte de energia programado de aproximadamente 800 MW foi determinado pelo ONS. A medida seria para cumprir ao procedimento padronizado para a estabilização do sistema elétrico nacional. Ainda segundo a empresa, foram impactados clientes das cidades da área de atuação das oito distribuidoras do grupo em São Paulo e no Rio Grande do Sul.

A empresa ressaltou também que foi autorizada a restabelecer o fornecimento de energia elétrica para um terço dos clientes atingidos e aguarda nova orientação do ONS para regularizar o sistema e restabelecer o fornecimento para todos os consumidores.
Rio de Janeiro
No Rio de Janeiro, a Light informou que alguns bairros sofrerão corte de energia a partir desta segunda. A informação foi confirmada pela assessoria de imprensa da Light, a partir de uma determinação do Operador Nacional de Sistema Elétrico (ONS).
Até as 16h não havia informações sobre os bairros que serão afetados e nem por quanto tempo deve durar essa determinação. O motivo da determinação do ONS também não foi divulgado.
Trechos de bairros da Zona Oeste, como Jacarepaguá, estavam sem luz por volta das 16h10. Não há confirmação, no entanto, de que a queda de energia seja relacionada ao corte ou se há outro problema na região.
Espírito Santo
O fornecimento de energia elétrica ficou prejudicado em oito municípios do Espírito Santo. De acordo com a distribuidora Escelsa, parte dos municípios de Piúma, Alegre, Cachoeiro de Itapemirim, Marataízes, Presidente Kennedy, João Neiva, Barra de São Francisco e Pinheiros foram afetados. O fornecimento da energia elétrica já foi normalizado nessas áreas, após a liberação do ONS, segundo a empresa.
Paraná
No Paraná, houve corte no fornecimento de energia na tarde desta segunda-feira (19) em alguns municípios, de acordo com a Companhia Paranaense de Energia (Copel). Não havia confirmação, porém, de quantas pessoas ou quais cidades foram atingidas, até as 16h30.
A Copel estima que quase 6% das unidades consumidoras (entre casas e indústrias) do estado tiveram algum tipo de problema durante a tarde. Segundo a companhia, o desligamento foi feito para um "alívio de carga", a pedido do Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS). Porém, não há informação do motivo para que a ação fosse tomada.
O problema, diz a Copel, foi rápido. A luz já havia sido retomada em boa parte dos locais atingidos, por volta das 16h30, ainda conforme a Companhia.
Goiás
A Companhia Energética de Goiás (Celg) informou que também reduziu a distribuição de energia em Goiânia e cidades do interior, na tarde desta segunda-feira (19), seguindo orientações do ONS.
Segundo a Celg, a energia distribuída para Goiás "sofreu um corte manual em cerca de 200 megawatt e afetou várias regiões do estado, inclusive parte de Goiânia", por volta das 15h. A companhia não informou o número de clientes atingidos, mas adiantou que começou a restabelecer o serviço às 16h, e que aguarda novas informações do ONS.
Em Goiânia, a queda de energia foi registrada principalmente nos bairros da região sul, onde semáforos apagaram e deixaram o trânsito tumultuado em algumas avenidas.
A Secretaria Municipal de Trânsito (SMT) informou que registrou ocorrências de semáforos desligados devido à queda de energia em bairros como Parque Amazônia e os Setores Bueno e Pedro Ludovico. Disse que as equipes estão trabalhando para restabelecer o sistema, mas ainda não tem previsão de quando o serviço será normalizado.
Distrito Federal
No DF, a CEB informou que desligou oito subestações de energia elétrica. A interrupção teve início às 15h nas unidades de Samambaia Oeste, Brazlândia, PAD/DF, Planaltina, São José, Vale do Amanhecer, São Sebastião e Sobradinho.
Segundo a companhia, às 15h40, o fornecimento havia sido restabelecido, exceto na PAD/DF e em São José. A CEB não informou o número de unidades atingidas.
G1

Silvano Silva ✔

Obrigado pela visita!

Nenhum comentário:

Comente esta notícia!