ULTIMAS NOTÍCIAS
20 anos da morte de Senna
quinta-feira, 1 de maio de 2014 Posted by Silvano Silva ✔


Hoje dia 01 de maio de 1994, há quase 20 anos, o Brasil ficou mais triste

Airton SennaHoje é dia 01 de maio, dia internacional do trabalhador. A data é feriado em vários lugares do mundo, inclusive no Brasil. O dia que atualmenteexiste para que os trabalhadores desfrutem-no e descansem, existia antigamente com o propósito de pautar reivindicações para melhores jornadas de trabalho.
Esse mesmo dia que é celebrado por trabalhadores em vários países, no Brasil é também recordação de um episódio fatídico. Incidente que há 20 anos fez o Brasil inteiro ficar mais triste. No dia 01 de maio de 1994, o Brasil perdia um de seus maiores ídolos de toda a história, o herói Ayrton Senna.
Figura mítica que empunhava a bandeira verde-amarela com orgulho em cada vitória, e não foram poucas, na Fórmula 1. No dia de sua partida em Ímola, Senna faria diferente, se vencesse empunharia a bandeira da Áustria, para homenagear seu colega de profissão Ratzenberger, morto um dia antes.
Jamais se entregava às adversidades, e batia de frente com os “peixes grandes” da categoria, exemplo de perseverança e coragem. Inconformado com as desigualdades de sua terra tão amada doava dinheiro, muitas vezes de forma anônima, para instituições de caridades. Hoje o instituto que recebe seu nome é referência internacional e atende cerca de 2 milhões de pessoas em todo o Brasil, exemplo inquestionável de caráter.
Ayrton fazia as famílias se reunirem nas madrugadas de sábado ou nas manhãs de domingo, pois com ele em pista, a emoção era garantida. O rei de Mônaco e das pistas molhadas deixa até hoje um vazio enorme em nossos corações, vazio este que jamais será totalmente preenchido. Não apenas por ter sido o maior de todos naquilo que amava fazer, mas principalmente pelo homem magnífico que foi e sempre será, pois se perpetuou em nossas memórias.
A WSCOM presta essa homenagem àquele que permanece vívido em nossas memórias e em nossos corações. Amanhã será um dia de descanso e de lazer, mas também de relembrar, reviver, de prestar tributo ao que foi o maior ídolo esportivo de nossa história recente e quem sabe até de todos os tempos.

Feliphe Rojas

Silvano Silva ✔

Obrigado pela visita!

Nenhum comentário:

Comente esta notícia!