ULTIMAS NOTÍCIAS
INSS pode suspender benefício de 28,2 mil
terça-feira, 4 de novembro de 2014 Posted by Silvano Silva ✔


Segurados na Paraíba têm até 30 de dezembro para realizar recadastramento no banco.
Rizemberg Felipe Rizemberg Felipe
Para atualizar os dados, o beneficiário precisa se dirigir ao banco onde recebe o dinheiro levando um documento de identificação com foto
Na Paraíba, 28.268 segurados do Instituto Nacional de Seguro Social (INSS) podem ter o benefício suspenso porque não renovaram a senha (fé de vida) nos bancos. O prazo termina no dia 30 de dezembro, ou seja, faltam menos de dois meses para expirar o tempo e quem não fizer a validação do cadastro até esta data só receberá o dinheiro quando regularizar a situação. Vale lembrar que a renovação não é feita nas agências do INSS e sim nos bancos onde é pago o benefício.
No total, são 548.317 aposentados e pensionistas do INSS na Paraíba. A maior parte (520 mil) já está em dia com a Previdência. A substituição da senha é obrigatória para todos os beneficiários do INSS que recebem seus pagamentos por meio de conta-corrente, conta poupança ou cartão magnético.
Para atualizar os dados, o beneficiário precisa se dirigir ao banco onde recebe o dinheiro levando um documento de identificação com foto (carteira de identidade, carteira de trabalho, carteira nacional de habilitação entre outros).
As instituições financeiras estão comunicando os beneficiários sobre a renovação da senha por meio de mensagens informativas, disponibilizadas nos seus caixas eletrônicos e sites na internet. Se o titular do benefício não puder comparecer ao INSS, a atualização dos dados pode ocorrer através de procurador, mas ele tem que estar previamente cadastrado junto ao INSS.
Se o aposentado não puder ir até a Agência da Previdência Social para cadastrar um procurador (por motivo de doença ou locomoção), o procurador deverá comparecer a uma Agência da Previdência Social, munido de procuração e apresentar o atestado médico que comprove a impossibilidade de locomoção do beneficiário, além dos documentos de identificação do procurador.
Os segurados que residem no exterior também podem renovar a senha por meio de um procurador cadastrado no INSS ou por meio de documento de prova de vida emitido por consulado.
BRASIL
No país, dos 31,1 milhões de beneficiários do INSS, mais de 29 milhões já estão em dia com o INSS. Ainda não compareceram nas instituições financeiras 1,4 milhão de brasileiros. Os dois Estados brasileiros que têm maior quantidade de pessoas, em números absolutos, em débito com a previdência são São Paulo (342.805) e Minas Gerais (155.021). Já o Estado que tem menos pessoal pendente com INSS é Amapá (2.502).
Com o Jornal da Paraiba

Silvano Silva ✔

Obrigado pela visita!

Nenhum comentário:

Comente esta notícia!