ULTIMAS NOTÍCIAS
Manoel Jr. rejeita e Hugo Motta é o indicado do PMDB para presidir a CPI da Petrobrás
sexta-feira, 20 de fevereiro de 2015 Posted by Silvano Silva ✔

Escolha do deputado paraibano ocorreu devido à desistência do colega baiano, Lúcio Vieira Lima. O paraibano Manoel Júnior também rejeitou o cargo.

O deputado federal paraibano Hugo Motta (PMDB) foi o escolhido pela liderança do PMDB na Câmara Federal, para presidir a Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Petrobrás. A informação foi divulgada, nesta sexta-feira (20), pelo jornalista Lauro Jardim, signatário da Coluna Radar, da Veja Online.


A escolha de Hugo Motta ocorreu devido à recusa do deputado federal Lúcio Vieira Lima (PMDB-BA). Ele foi o primeiro escolhido para se tornar presidente da CPI da Petrobras. O parlamentar paraibano Manoel Júnior (PMDB) também rejeitou o cargo.

“O PMDB da Câmara decidiu que o cargo ficará com Hugo Motta, deputado da Paraíba que presidiu a Comissão de Fiscalização e Controle no mandato passado, o primeiro de sua carreira”, postou Lauro Jardim.


Leia a coluna na íntegra: 


O presidente da nova CPI da Petrobras

Diante da recusa de Lúcio Vieira Lima em presidir a CPI da Petrobras, o PMDB da Câmara decidiu que o cargo ficará com Hugo Motta, deputado da Paraíba que presidiu a Comissão de Fiscalização e Controle no mandato passado, o primeiro de sua carreira.

Hugo, eleito aos 21 anos e hoje com apenas 25, foi um eleitor entusiasmado de Vieira Lima.Com a escolha, o objetivo do grupo de Eduardo Cunha é tentar cicatrizar a bancada. Lúcio foi derrotado por Leonardo Picciani por apenas um voto de diferença.
Não foi uma escolha fácil. Com a promessa feita por Cunha de entregar a relatoria para o PT, poucos queriam vestir a roupa de pizzaiolo.
A exemplo de Lúcio, Manoel Júnior, outro aspirante a líder desbancado por Picciani, também recusou.
Da Redação com wscom

Silvano Silva ✔

Obrigado pela visita!

Nenhum comentário:

Comente esta notícia!